(Letra/Música: Adriano Lopes)

Sem ter culpa entregou a Tua vida
O sofrimento derramou naquela cruz
Sendo eu o culpado
E a Tua morte cometi
Tua voz que ecoa dizendo: Eu estou aqui

Coro:
Em Teus braços quero estar
Não vejo a hora de Te encontrar
Em Teu rosto vou tocar

Sempre que lembro Teu olhar que me encontrou
Lembranças do amor verdadeiro que me entregou
Tuas sinceras palavras que tocaram o meu coração
E por esta razão meu pranto veio enxugar.